RELATOS DE VIDA - Celso Foelkel


Relatos de Vida de Celso Foelkel – Celso Foelkel’s Life Reports

 


Nessa página, vocês terão a oportunidade de encontrar interessantes histórias vivenciadas por Celso Foelkel ao longo de sua carreira profissional, todas associadas às correspondentes produções técnicas, científicas e empresariais do autor desses relatos.

O objetivo é o de compartilhar com o público as experiências de vida que permitiram que o autor pudesse crescer técnica, humanística e relacionalmente, podendo com isso, oferecer com renovado estímulo as suas contribuições tecnológicas e humanas para as partes interessadas da Sociedade.

Não existe uma ordem cronológica para o lançamento desses relatos de vida. Eles vão sendo criados de acordo com o momento histórico e sob a ação de forças motivadoras que estimulam que as histórias surjam e passem a integrar o conjunto de informações oferecidas por Celso Foelkel para as pessoas interessadas em conhecer mais sobre o desenvolvimento do setor de base florestal no Brasil e em outros países da Ibero-América.

A seguir, vocês podem abrir e navegar sobre os Relatos de Vida de Celso Foelkel que sejam de seu interesse conhecer mais. Basta se clicar sobre o título de cada um deles para que sejam redirecionados ao texto ou ao arquivo correspondente.

Espero que apreciem essas nossas histórias de vida e que elas possam ser de alguma valia em suas vidas profissionais.

Curso Mestrado UFV – Universidade Federal de Viçosa

Apostilas e Teses Curso Mestrado UFV 1977-1979

Curso Mestrado UFSM – Universidade Federal de Santa Maria

Apostilas e Teses Curso Pós-Graduação UFSM 1990 -2000

Curso Técnico em Celulose e Papel "Gomes Jardim" em Guaíba/RS

Os cadernos do Celso Foelkel e o papel educacional, social, tecnológico e de formação pessoal dos mesmos

Preparativos programados para sucesso no vestibular de 1966 na ESALQ

Pelotas/RS (UFPel e ETFPel) - (Universidade Federal de Pelotas e Escola Técnica Federal de Pelotas)

GT – EUCA: Grupo de Trabalho sobre o Eucalipto

Syracuse – NY (State University of New York - College of Environmental Science and Forestry)

RISI - 2008 Top 50 Power List

ABCP/ABTCP – Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel

GT-20: Grupo de Trabalho de Documentação em Celulose e Papel

CENEX - Centro de Excelência Empresarial

ANPEI - Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras

TAPPI – Technical Association of the Pulp and Paper Industry

Formatura 45ª Turma UFSM - Universidade Federal de Santa Maria

ANAVE - Associação Nacional dos Profissionais de Venda em Celulose, Papel e Derivados

TECNICELPA - Associação Portuguesa dos Técnicos das Indústrias de Celulose e Papel

BWPA - British Wood Pulp Association

CENIBRA - Celulose Nipo Brasileira S.A.


SBS – Sociedade Brasileira de Silvicultura

ESALQ – Turma A–70: Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"


ESALQ: Sonhos – Paixões – Decepções – Resignação – Novas Rotas & Conquistas. Um sonho interrompido e a abertura de novas rotas


IPEF – Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais

Projeto Bacell/Bahia

Polpa Solúvel ou para Dissolução - Vivências no desenvolvimento desse segmento no Brasil

Polpação Kraft da Madeira dos Eucaliptos. Vivências no desenvolvimento desse processo tecnológico no Brasil

Deslignificação com Oxigênio para Polpas Kraft. Vivências no desenvolvimento desse processo tecnológico no Brasil

Branqueamento da Celulose com Ênfase em Polpas Kraft Obtidas de Eucalyptus. Vivências no desenvolvimento desses processos tecnológicos no Brasil e no Mundo

Biorrefinarias Integradas ao Setor de Celulose & Papel. Vivências no desenvolvimento desses processos tecnológicos no Brasil

Cursos de Especialização em Celulose e Papel – ABTCP – Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel

Cursos Pan-Americanos de Especialização em Celulose e Papel – CTCP/IPT

Curso/Seminário "Single Species Market Pulps" – Montreal – Canadá – 2001

SIF – Sociedade de Investigações Florestais

International Non-Chlorine Bleaching Conferences

PaperCast Conferences (Paper & Environment – Business Planning – Finance & Marketing)

Cursos de Especialização em Meio Ambiente – PUC/RS e UCS

Programa Junior Achievement – Guaíba/RS

CODEMA & COMPET/CITEC – Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS)

ABECEL – Associação Brasileira de Exportadores de Celulose

GT-8 e ANFPC – Associação Nacional dos Fabricantes de Papel e Celulose

IFIR - International Forest Industry Roundtable

ISO Technical Report TR 14061 - International Organization for Standardization

AGEFLOR – Associação Gaúcha de Empresas Florestais

SINPASUL & PGQP – Sindicato das Indústrias de Celulose, Papel, Embalagens e Artefatos de Papel, Papelão e Cortiça do Estado do Rio Grande do Sul & Programa Gaúcho de Qualidade e Produtividade

Congressos Florestais Estaduais do Rio Grande do Sul - Nova Prata / RS

Rótulos Ecológicos ou Selos Verdes para Papéis - Uma história que aconteceu no Brasil

IMD - International Institute for Management Development Lausanne Lausanne - Suíça

WWF - Brasil World Wide Fund for Nature

Silvotecna - Chile

Congressos Florestais Brasileiros

Colóquios Internacionais sobre Celulose de Eucalipto (ICEP'S – International Coloquia on Eucalyptus Pulp)

Centro Nacional de Tecnologias Limpas & Ecoeficiência e Produção mais Limpa

Bancas Universitárias - Orientação, Defesa e Avaliação de Teses e Dissertações

IUFRO - International Union of Forest Research Organizations

RIADICYP – Red IberoAmericana de Docencia e Investigación en Celulosa, Papel y Productos Lignocelulósicos

A Grau Celsius e o Fórum Aberto de Perguntas e Respostas "Pergunte ao Euca Expert" – "Ask the Euca Xpert"

Borregaard Guaíba – 50 Anos: 1972 – 2022. Fatos e Relatos Pessoais

Riocell: Sonhos, Projetos, Realizações e Decepções

Grau Celsius: 1998 – 2021 - Vivências e experiências de um empreendedor do conhecimento de base florestal

Postagens de Celso Foelkel no Linkedin: Uma Compilação Recente - Julho 2019 a Abril 2022

Fatos e Datas Históricas Relevantes sobre Empresas e Fábricas do Setor de Celulose e Papel do Brasil - Uma tentativa de se gerar uma Linha do Tempo... ...ainda que incompleta.

Empresas e/ou Marcas que foram marcantes no setor brasileiro de celulose e papel. E que atualmente estão sendo esquecidas em função da mudança de proprietários, ou de nomes ou por alterações drásticas na forma de atuação; ou por que simplesmente desapareceram...

    - Parte 1: Recordações de nosso passado. Produtores de Celulose e Papel


    - Parte 2: Recordações de nosso passado. Fornecedores ao Setor de Celulose e Papel

ABTCP/IPEF+ESALQ -  Encontrando Parcerias Produtivas em Benefício dos Setores de Base Florestal e Celulósico-Papeleiro

Chile e ATCP-Chile – Asociación Técnica de la Celulosa y el Papel de Chile

Qualidade das Madeiras, Fibras e Polpas Celulósicas

Processos Tecnológicos & Produtos do Setor de Celulose & Papel

Curso "Gestão da Informação e do Conhecimento"

A Evolução Tecnológica no Brasil da Qualidade das Madeiras e das Fibras Celulósico-Papeleiras dos Eucaliptos Sendo Contada pela Sequência Temporal dos Trabalhos Técnicos Divulgados e Disponibilizados Através de Eventos e Publicações da ABTCP - Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel

A Evolução Tecnológica no Brasil da Produção de Celulose e Papel a partir de Madeiras de Pinus e de outras Coníferas Sendo Contada pela Sequência Temporal dos Trabalhos Técnicos Divulgados e Disponibilizados Através de Eventos e Publicações da ABTCP - Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel

Multi-Polpas & Multi-Fibras - BHKMP – Bleached Hardwood Kraft Market Pulps - Foco em Fibras & Polpas Kraft Branqueadas de Eucalyptus

Uma Galeria de Imagens e um Relato de Vida por Celso Foelkel. Parte 1: Multi-Fibras & Multi-Polpas Celulósicas. Um Atlas de Imagens & Paisagens Anatômicas de Fibras & Polpas

Galeria de Imagens; Coletânea Bibliográfica & Relato de Vida por Celso Foelkel. Parte 2: Microscopia de Madeiras e Papéis. Contendo Atlas de Imagens & Paisagens Anatômicas de Madeiras & Papéis

Agradecemos o interesse de vocês por esses textos - acreditamos que eles possam ajudar a estimular de maneira dinâmica a que seja perpetuada de alguma forma a história do setor de base florestal e de celulose e papel no Brasil. Em especial, em fatos e momentos dessa história que foram vivenciados por Celso Foelkel e por inúmeros de seus amigos.